Salvador

O que não fazer em Salvador

Veja aqui o que não fazer em Salvador. É comum que os turistas viajem para a Bahia e sigam seus instintos, agindo como estão acostumados a agir normalmente. Porém, vamos indicar aqui algumas coisas que os turistas não devem fazer quando estiverem em Salvador, especificamente, para conseguirem aproveitar mais a viagem. Confira:

Pelourinho, Salvador

E se você está planejando viajar para a capital baiana, não deixe de ver também a nossa matéria de como economizar muito na viagem a Salvador e Bahia, com todas as dicas para gastar menos em tudo o que for fazer por lá, e aproveitar mais!

1. Não se esqueça de se proteger do calor

A temperatura média de Salvador ao longo do ano é de 24ºC, e mesmo no inverno, as minímas raramente atingem menos do que 22ºC. Por isso, esteja preparado para o calor! Para aproveitar mais a sua viagem, o melhor é levar roupas leves, como calções, vestidos e regatas. Bonés, chapéus e óculos escuros também são grandes aliados. Além disso, não se esqueça de andar sempre com garrafinhas d’água, e beba-as mesmo sem sentir sede. É importante ficar hidratado o tempo todo, para não se sentir mal durante os passeios em dias mais quentes. E, claro, use protetor solar sempre, mesmo que você não esteja indo às praias.

Praia de Salvador

2. Não se hospede em zonas muito afastadas

Uma dica legal e que faz a diferença na viagem para a Salvador é escolher bem a localização do seu hotel. A cidade é enorme e, ficando bem localizado, você vai aproveitar muito mais e gastar muito menos tempo e dinheiro se deslocando até os lugares. Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Salvador, onde damos dicas das melhores regiões para se hospedar e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço bom.

Quarto de hotel em Salvador

Nós também fizemos um mapa personalizado bem legal que indica os melhores hotéis para se hospedar dentro dessa região, que consideramos a melhor da cidade – e com os preços mais variados! É só clicar aqui para ver o mapa. Quando ele abrir, feche, coloque a data da sua viagem no buscador, clique em “pesquisar” e depois clique em “mostrar mapa” para abri-lo novamente, com os hotéis disponíveis e preços já na sua data da viagem.

Regiões de Ondina e Rio Vermelho, em Salvador

Hotéis em que já nos hospedamos e recomendamos demais:

3. Não deixe de se programar para sair do aeroporto

Nem todo mundo pensa nisso, mas é sim preciso se programas para sair do aeroporto de Salvador. Isso porque ele fica afastado da cidade, e você poderá economizar um bom dinheiro se conseguir evitar os táxis. Os táxis rodam com taxímetro, e você gastará R$ 80 para ir e R$ 80 para voltar do aeroporto, que já é mais ou menos o valor de metade do aluguel de carro, por exemplo. E se você somar esse valor com o do translado para a Praia do Forte ou outras praias próximas, já ultrapassa o valor do aluguel do carro, que você pode usar em toda a viagem, para ir a outras praias e pontos turísticos.

Aeroporto de Salvador

Portanto, a forma que sempre utilizamos para ir do aeroporto de Salvador para o nosso hotel na cidade é o carro. É claro que dá para sair do aeroporto de outras formas, mas como nós sempre escolhemos alugar o carro para fazer os passeios na cidade e ir para as regiões mais afastadas (onde estão as melhores praias), já compensa alugar o carro e fazer o trajeto de saída do aeroporto. O que nos leva à próxima dica:

4. Não deixe de alugar um carro em Salvador

Como sempre dizemos aqui no blog, a forma mais econômica para andar por Salvador é o carro. É claro que dá para andar pela cidade de táxi ou até ônibus, mas nós sempre achamos mais barato andar com um carro, já que Salvador tem muitos pontos turísticos afastados uns dos outros, e muitos passeios bem legais que são bem distantes do centro (como Stella Maris e a própria Praia do Forte).

O aluguel de carro em Salvador e no nordeste, de forma geral, é muito mais barato do que as pessoas imaginam. Como o transporte público da cidade não atende aos principais pontos, dentre outras questões, você acaba ficando refém dos táxis – e, se for fazer as contas dos gastos com esse transporte, o carro acaba sendo o meio que mais vale a pena.

Aluguel de carro em Salvador

Se você quiser alugar um carro, recomendamos que o faça com a maior antecedência possível, para pagar um valor menor, e utilize um comparador de preços, que faz um levantamento em todas as principais locadoras de carro, e encontram todos os modelos e preços disponíveis do mercado. Nós costumamos usar dois comparadores que são os melhores:

  1. Comparador de aluguel de carros brasileiro: Maior comparador do Brasil, parcela em até 12 vezes, não tem IOF e o pagamento é feito em reais.
  2. Comparador de aluguel de carros internacional: Maior comparador do mundo, tem mais empresas na sua busca, encontra preços imbatíveis e promoções incríveis.

5. Não deixe para comprar os ingressos e passeios na hora

Para conseguir economizar de verdade com os passeios em Salvador e não perder nenhum deles por lotação, é preciso se planejar. Não dá para fugir disso: um bom planejamento é o que vai resultar em uma boa economia. Portanto, antes de viajar, defina todos os lugares que deseja conhecer na capital, e já faça a reserva daqueles que tiverem entrada paga ou limitada. Isso vale especialmente para os passeios para a Ilha dos Frades, Ilha de Itaparica, Guarajuba, Morro de São Paulo, Barra Grande, Boipeba etc, que são passeios SUPER turísticos e procurados.

Barra Grande, Salvador

Você até pode deixar para comprar os passeios lá, na hora, mas nós não recomendamos. Especialmente no caso do nordeste, é comum que os lugares para determinados passeios se esgotem, ou que você perca preciosos minutos da viagem procurando uma boa opção de compra. Fora que você corre o risco de fazer os passeios com uma empresa não credenciada ou que não seja de confiança. Por isso, indicamos sempre que você compre seus passeios enquanto ainda estiver em casa, pela internet, independente da viagem.

Sempre compramos nossos passeios com uma empresa oficial, que tem preços muito em conta. Eles são muito bons e oferecem um atendimento super prestativo, humanizado e confiável. Se quiser, é só entrar aqui e deixar seu nome e telefone, que eles entrarão em contato por whatsapp e darão um ótimo atendimento. É bem fácil, e nós realmente recomendamos por ser uma empresa ótima, que nos passou muita segurança. Gostamos também porque dá para comprar todos os passeios da viagem em um só lugar (o que é muito mais fácil e seguro), porque eles têm todos! A comodidade e segurança são garantidas. É a melhor forma de comprar seus passeios.

Os passeios que nós mais indicamos dentre os que eles oferecem são:

  • Tour por Morro de São Paulo
  • Tour privativo para Praia do Forte e Guarajuba
  • Tour privativo pelo Pelourinho à noite
  • Transfer privativo para Imbassaí e Sauípe

Dica extra para o Carnaval: compre os blocos antes, pela internet, e NÃO compre de cambistas!

Artesanato de Salvador

6. Não desista dos passeios por causa do clima

Na baixa e média temporada, é comum que ocorram chuvas em Salvador. Mas não desanime por isso! Se começar a chover na cidade, aguarde pacientemente pois, dentro de duas horas, a chuva já deverá ter passado e o dia abrirá novamente. São raras as chuvas que duramm por muitas horas. O mais comum é que elas atravessem o dia, indo e voltando rapidamente.

Clima quente em Salvador

Outras dicas rápidas:

  • No mercado modelo, pechinche sempre os preços! Os preços dos produtos são normalmente altos, e como a concorrência é grande por ali, é possível pechinchar.
  • Ao invés da já famosa Sorveteria da Ribeira, escolha conhecer a Cubana, uma sorveteria do Pelourinho que tem ganho destaque – e tem sabores incríveis!
  • No quesito gastronomia, vá com a cabeça aberta: o nordeste brasileiro tem pratos muito diferentes do resto do país. Vale a pena experimentar o acarajé, a moqueca e as dezenas de frutas inusitadas de lá (que dão, inclusive, ótimos sabores de sorvetes).
  • Como qualquer cidade grande brasileira, Salvador tem seus problemas com assaltos. Para evitá-los, não banque o turista: mantenha seu radar ligado e evite lugares vazios, especialmente à noite. Não ostente, não saia do hotel com todo o seu dinheiro, e tira sempre fotocópias de seus documentos para levar consigo aos passeios.
  • Se tiver tempo, não deixe de fazer um passeio para a incrível Ilha dos Frades ou até para a belíssima vila de Morro de São Paulo. Você não se arrependerá!

Vista aérea de Morro de São Paulo

Veja mais matérias imperdíveis de Salvador:

O que fazer em Salvador: dicas dos melhores passeios para fazer na capital
Quanto custa viajar para Salvador: todos os gastos para você calcular sua viagem
Onde ficar em Salvador: os melhores bairros e regiões para se hospedar na cidade

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *