Salvador

O que fazer de graça em Salvador

Veja o que há e o que você pode fazer de graça em Salvador na Bahia, e aproveite os melhores passeios da capital sem pagar nada! Confira:

Ruas de Salvador

E se você está planejando viajar para a capital baiana, não deixe de ver também a nossa matéria de como economizar muito na viagem a Salvador e Bahia, com todas as dicas para gastar menos em tudo o que for fazer por lá, e aproveitar mais!

1. Explorar a região da Barra

A Barra é a área mais falada da cidade! Ela é cheia de atividades e lugares turísticos para você explorar. E, de fato, é uma região imperdível para qualquer um que vai à capital baiana! É lá que você encontrará a praia do Porto da Barra (que não é a mais incrível de Salvador, mas ainda assim vale ser visitada), e o Farol da Barra, o principal cartão-postal da cidade, que demarca a entrada da Baía de Todos os Santos. Um passeio tradicional e completamente gratuito!

Farol da Barra em Salvador, na Bahia

A Barra é uma região linda – e o farol, em especial, é muito procurado por quem quer assistir ao pôr do sol. Ele funciona como mirante, e seu forte abriga o Museu Náutico da Bahia, que tem um acervo de itens militares, artigos náuticos e até reproduções de embarcações em miniatura. O forte/museu, neste caso, tem entrada paga (cerca de R$ 15, ou R$ 5 para residentes).

2. Conhecer o Mercado Modelo

A visita ao Mercado Modelo, que fica logo abaixo do Elevador Lacerda (ver foto acima), é uma experiência a parte na lista de o que fazer em Salvador na Bahia. Nele você encontrará souvenires, roupas, intrumentos baianos, elementos do candomblé, doces (não deixe de comprar uma cocadinha para si ou para os amigos!), artesanatos e, claro, alguns restaurantes tradicionais. O local costuma estar cheio, então como em qualquer lugar lotado, preste atenção aos seus pertences. De forma geral, a visita ao Mercado Modelo é tranquila, gratuita e vale muito a pena!

Mercado Modelo de Salvador

Aproveite que, ao lado do mercado, há o Elevador Lacerda, criado em 1873 como um transporte público da cidade, para unir a área mais alta (a do Pelourinho) à área mais baixa da cidade (onde fica o Mercado Modelo). O local tem MUITA história e ainda preserva uma das vistas mais lindas de Salvador, quando se está lá no alto dos 63 metros do elevador. Para andar nele, há um pequeno valor cobrado, de menos de R$ 0,50, por pessoa/por trecho!

3. Passear pelo Pelourinho

Lindo, histórico e imperdível. O Pelourinho é o coração de Salvador, cheio de lojas, restaurantes e cenários encantadores. Para chegar até lá, você pode pegar o Elevador Lacerda para cima e caminhar até o Largo do Pelourinho. Nele você verá a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, a grande cruz no centro do Pelourinho, bares com sabores exóticos de caipirinha; poderá ouvir músicos tocando na rua, comprar artigos únicos e provar as delícias da Bahia – desde pratos típicos até sorvetes e pizzas. É um passeio cheio de cores e ideal para conhecer Salvador de verdade, pois o local ainda preserva os marcos coloniais, com azulejos portugueses e esculturas douradas.

Pelourinho de Salvador

4. Ir até a Basílica do Senhor do Bonfim

Fiel ou não, é difícil não se impressionar com a Basílica Nosso Senhor do Bonfim em Salvador. Datada do século 18, a estrutura da igreja tem traços neoclássicos e rococó, mas o que acaba chamando mais a atenção dos turistas é sua fachada, lotada de fitinhas do Senhor do Bonfim coloridas. É incrível! A tradição é chegar até lá a pé (já que a igreja está localizada no topo de um morro, mas que também tem acesso via carros) e amarrar uma fitinha na fachada da igreja, enquanto faz um pedido. A entrada para a igreja é de graça.

Dica extra: se estiver viajando em janeiro, fique atento, pois em todos os anos ocorre a lavagem das escadarias da igreja, ou simplesmente “Lavagem do Bonfim”, que é um evento super importante para a cidade. Trata-se de um cortejo que sai da Igreja da Conceição da Praia, no bairro do Comércio, e que ocorre na quinta-feira após o primeiro domingo pós-Dia de Reis (6 de janeiro). Por exemplo, se o Dia de Reis cair em uma quarta-feira, a Lavagem ocorrerá na quinta-feira da semana seguinte, já tendo passado um domingo.

Basílica do Senhor do Bonfim em Salvador, na Bahia

5. Ver o Dique do Tororó

Esta é nossa última dica de o que fazer em Salvador na Bahia: o Dique do Tororó é um ponto turístico que vale a pena conhecer, mesmo que rapidamente. Trata-se de uma área que compreende o estádio da Fonte Nova (onde ocorreram os jogos da Copa) e uma lagoa com os oito orixás flutuantes, reproduzidos em tamanho grande em 1998. É lindo!

Dique do Tororó em Salvador

6. Se encantar com a Lagoa de Abaeté

A Lagoa de Abaeté é uma lagoa belíssima, localizada em uma área de proteção ambiental do Parque Metropolitano Lagoas e Dunas do Abaeté, no bairro de Itapuã, em Salvador. É possível entrar na lagoa, mas respeite a sua sinalização de profundidade, uma vez que pessoas já se afogaram nela! Há um parquinho para crianças, restaurantes com música ao vivo e bares nas proximidades. No entanto, não é o lugar mais seguro do mundo – preste atenção especialmente na área da rampa que dá acesso à lagoa. O melhor é subir de ônibus ou carro.

Lagoa do Abaeté em Salvador

Qual a melhor forma de garantir os passeios para Salvador?

Para conseguir economizar de verdade com os passeios e seguir toda a lista de o que fazer em Salvador na Bahia, é preciso se planejar. Não dá para fugir disso: um bom planejamento é o que vai resultar em uma boa economia. Portanto, antes de viajar, defina todos os lugares que deseja conhecer na capital, e já faça a reserva daqueles que tiverem entrada paga ou limitada. Isso vale especialmente para os passeios para a Ilha dos Frades, Ilha de Itaparica, Guarajuba, Morro de São Paulo, Barra Grande, Boipeba etc, que são passeios SUPER turísticos e procurados.

Centro histórico em Salvador

Você até pode deixar para comprar os passeios lá, na hora, mas nós não recomendamos. Especialmente no caso do nordeste, é comum que os lugares para determinados passeios se esgotem, ou que você perca preciosos minutos da viagem procurando uma boa opção de compra. Fora que você ainda corre o risco de fazer o passeio com uma empresa não credenciada ou que não seja de confiança. Por isso, indicamos sempre que você compre seus passeios enquanto ainda estiver em casa, pela internet, independente da viagem.

Ilha dos Frades em Salvador

Sempre compramos nossos passeios com uma empresa oficial, que tem preços muito em conta. Eles são muito bons e oferecem um atendimento super prestativo, humanizado e confiável. Se quiser, é só entrar aqui e deixar seu nome e telefone, que eles entrarão em contato por whatsapp e darão um ótimo atendimento. É bem fácil, e nós realmente recomendamos por ser uma empresa ótima, que nos passou muita segurança. Gostamos também porque dá para comprar todos os passeios da viagem em um só lugar (o que é muito mais fácil e seguro), porque eles têm todos! A comodidade e segurança são garantidas. É a melhor forma de comprar os passeios como os que citamos nessa lista de o que fazer em Salvador na Bahia.

Super dica do aluguel de carro em Salvador!

E depois de ler tudo sobre o que fazer de graça em Salvador, não deixe de ver as nossas dicas de planejamento de viagem! A primeira delas é sobre o transporte: nem todo mundo sabe, mas alugar um carro em Salvador é muito mais barato do que as pessoas imaginam. Como o transporte público da cidade não chega aos principais pontos turísticos, você acaba ficando refém dos preços dos táxis – e, se for fazer as contas, o carro alugado acaba sendo o meio de transporte que mais vale a pena. Se você estiver em duas ou mais pessoas, para dividir, sai ainda mais barato, e você economiza muito!

Aluguel de carro em Salvador

Com o carro você pode conhecer praias lindas que são mais afastadas do centro de Salvador, ir até Praia do Forte, explorar melhor a cidade e ter liberdade para fazer o que quiser a hora que quiser! Na nossa matéria de aluguel de carro em Salvador nós damos todas as dicas e contamos como conseguir alugar um carro legal MUITO barato. Existe um comparador de preços que é incrível e faz um levantamento em todas as principais locadoras de carros, encontrando os melhores preços do mercado.

Como achar ótimos hotéis por preços incríveis em Salvador?

Uma boa dica para encontrar o hotel ideal na capital, na região que você quiser e com a garantia de uma boa hospedagem a preço justo, é usar esse Pesquisador de Hotéis em Salvador. Nós sempre usamos em nossas viagens, pois é o maior site de reservas de hotéis de todo o mundo, e por isso é o melhor lugar para reservar com confiança e segurança. Ele tem todos os hotéis de Salvador e do resto do mundo nas suas pesquisas, e oferece preços imbatíveis por causa da forte negociação que tem com os hotéis.

Dentro dele, nós fizemos um mapa personalizado bem legal que indica os melhores hotéis para se hospedar dentro da região que consideramos a melhor da cidade. É só clicar aqui para ver o mapa. Quando ele abrir, feche-o, coloque a data da sua viagem no buscador, clique em “pesquisar” e depois clique em “mostrar mapa” para abri-lo novamente, com os hotéis disponíveis e preços já na sua data da viagem.

Mapa das melhores áreas para se hospedar em Salvador

O buscador ainda oferece cancelamento GRÁTIS para a maioria dos hotéis. Ou seja, dá para reservar o seu hotel na hora, para garantir o preço (já que eles mudam de um dia para o outro, e os quartos nos melhores hotéis esgotam rápido), e se depois você encontrar um melhor, ou não quiser ficar nele, é só cancelar. É super simples e sem custo algum.

Hotéis em que já nos hospedamos e recomendamos demais:

Piscina de hotel de luxo em Salvador

Veja mais matérias imperdíveis de Salvador:

O que fazer em Salvador: dicas dos melhores passeios para fazer na capital
Quanto custa viajar para Salvador: todos os gastos para você calcular sua viagem
Onde ficar em Salvador: os melhores bairros e regiões para se hospedar na cidade

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *